800 291 291 – Serviço Número Verde (Grátis) Dias úteis das 9h às 21h
Portes gratuitos para encomendas acima dos 30€
800 291 291 – Serviço Número Verde (Grátis) Dias úteis das 9h às 21h
Portes gratuitos para encomendas acima dos 30€

6 dicas para emagrecer e saborear ao máximo o que come

Se precisa de dicas para emagrecer, este post é para si! Agora que está a começar a sua dieta Lev, tem ao seu dispor um mundo de ajudas. O seu nutricionista está à distância de um telefonema. As suas conselheiras sempre presentes na loja. Mas e em casa? Siga estas dicas para emagrecer e ajudá-lo a manter-se no caminho.

O seu apetite é influenciado por muito mais do que a comida. O aspeto da comida, o ambiente do local onde se encontra, até as pessoas à sua volta. Na verdade, até o seu estado emocional tem influência. Por isso mesmo, é importante ter em conta todas as forças exteriores que podem prejudicá-lo ou ajudá-lo. Antes de avançar para a comida, pense porque está a comer. Tem mesmo fome ou é uma resposta a um estado emocional? Está a reagir ao stresse, ansiedade ou como resposta ao seu sistema nervoso? Aqui ficam algumas dicas para emagrecer, de acordo com a Harvard Medical School:

Esconda a comida que não pode comer.

Melhor ainda, não a compre. Se começou agora a sua dieta Lev uma das melhores formas de garantir que não foge do seu plano é não ter comida que não seja a ideal para si na despensa. E, caso alguém em casa não esteja a fazer dieta, então deslocalize essa comida para o fundo dos armários. No entanto, a dieta LEV é sempre uma oportunidade ótima para todos comerem melhor. Mais legumes no prato e uma maior diversidade.

Sirva-se na cozinha.

A fim de não se sentir tentado a servir-se mais do que uma vez, sirva-se na cozinha. Coloque as porções ideais em cada prato na cozinha, em vez de trazer o tacho para a mesa. A única exceção são os legumes. A parte positiva? Uma mesa mais fácil de arrumar.

Esqueça o multitasking.

Na hora de comer, deve… comer. Não veja televisão, não conduza, não verifique os e-mails ou não realize qualquer outra atividade. Tudo isto poderá resultar numa refeição em que nem sequer se apercebe do que está a ingerir. Escolha um lugar sossegado e sente-se. Aprecie a refeição, sinta os sabores e a textura. Preste atenção à sua comida. Se não tiver a certeza do que gosta na dieta Lev, não tem problema. Venha a uma Clínica Lev e peça a uma das nossas conselheiras para provar o que quiser antes de comprar.

Aprenda a distinguir fome de outra coisa qualquer.

A próxima vez que lhe apetecer bolachas, pare e pense se tem mesmo fome. A fome física tem uma série de indicadores como fadiga, dores de cabeça ligeiras ou um vazio no estomago. A compulsão tem mais a ver com desconforto ou agitação. A fome desaparece quando come, enquanto que a ânsia de comer só é satisfeita com um alimento específico. Se assim for, o ideal é distrai-se. Vá dar um passeio, beba uma água com sabores, telefone a um amigo. Essa vontade vai desaparecer. E, em último caso, é sempre melhor optar por uma refeição Lev do que por bolachas carregadas de calorias.

Crie um ritmo.

Se comer mais devagar, terá tendência a ficar saciado com menos comida. Isto tem tanto a ver com a comida, como com o cérebro. Não é só o estomago que comanda, por isso o cérebro precisa de receber uma série de sinais das hormonas digestivas segregadas pelo aparelho digestivo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

WhatsApp WhatsApp Lev®